Você está aqui: Home Uncategorised Semana Santa é celebrada com muita fé e emoção no Santuário Santa Paulina

Semana Santa é celebrada com muita fé e emoção no Santuário Santa Paulina

Sete dores 4Mais de 20 mil devotos e peregrinos participaram das celebrações que fizeram parte da programação da Semana Santa 2017 no Santuário Santa Paulina. Desde o Domingo de Ramos até o último, 16, o Domingo da Ressureição do Senhor, foram realizadas celebrações diárias com temáticas diferentes que narravam os momentos desde a preparação para a morte até a Ressurreição de Cristo.

 

O Domingo de Ramos, 09, iniciou a programação com a presença de milhares de fiéis celebrando a entrada de Jesus em Jerusalém. Mesmo com um cenário de um domingo chuvoso, em Nova Trento, os devotos e peregrinos não desanimaram e participaram das procissões e celebrações ao longo do dia.

Na véspera da Sexta da Paixão, quinta 13, a celebração da Missa da Ceia do Senhor celebrada às 19h na Paróquia São Virgílio e uma adoração, realizada das 22h até às 00h, preparou os fiéis para o ponto alto da semana. Já na manhã da Sexta-feira Santa, dia 14, a celebração do Pão e Água, realizada às 5h, acolheu os fiéis que passaram pelo Santuário em peregrinação durante a madrugada. Às 8h, foi realizada a Via Sacra no Morro do Calvário e a programação da manhã foi encerrada com uma celebração Penitencial às 10h, com a proposta de motivar os fiéis a reflexão, e a posterior confissão.

Ainda na sexta-feira, foi realizada às 15h a Celebração da Paixão do Senhor, que reuniu mais de dois mil fiéis. A adoração e beijo no Cristo Crucificado, no final da celebração, em memória a Jesus e sua entrega total por amor à humanidade, emocionou os devotos presentes.

No Sábado Santo, duas celebrações em honra as dores de Maria, marcaram o dia dos fiéis que passaram pelo Santuário. O momento recordava as sete dores vividas por Maria. Sete mulheres mães, cada uma carregando uma vela, representavam as dores de Maria, comparadas às dores das mães dos tempos atuais. Ao colocarem as velas no candelabro, cada uma recebia um abraço do celebrante e uma rosa que representava o apoio, às dores das tantas ‘Marias’ que passam pelo Santuário. Entre as leituras e o preenchimento do candelabro, no centro do presbitério, dois personagens causavam emoção, contemplando Maria, que segurava em seu colo Jesus já sem vida.

A celebração mais importante do ano, a Vigília Pascal, encerrou as celebrações do Sábado Santo. A Vigília iniciou-se na parte externa do templo com a dança do fogo. Homens da comunidade e colaboradores do Santuário realizaram uma dança com tochas de fogo que acendeu uma fogueira. O fogo foi abençoado e realizou-se o acendimento do Círio Pascal que estará acesso em todas as Celebrações, até o dia de Pentecostes. Ainda nesta celebração as promessas batismais foram renovadas. Uma encenação da dança das águas, realizada por jovens da comunidade local, abrilhantou o encerramento da liturgia batismal. Os fiéis foram aspergidos com a água benta no encerramento.

Já no Domingo da Ressurreição do Senhor, cinco celebrações foram realizadas ao longo do dia. Estiveram presente e participando das celebrações famílias de regiões mais próximas. Foi o caso da Maria Lucia, 51, da cidade de Palhoça, que junto com o esposo e o filho vieram agradecer por uma graça alcançada e fizeram questão de participar da celebração das 10h.

De acordo com Marcos Jaboski, Coordenador de Sustentabilidade do Santuário, mais de 20 mil peregrinos e devotos visitaram o Santuário ao longo da semana, em especial na Sexta-feira Santa.

Para Ir. Anna Tomelin, Diretora do Santuário e uma das irmãs organizadoras da Semana Santa, o Tríduo Pascal foi um tempo de silêncio e oração, uma oportunidade de encontro com Deus, consigo mesmo, com outras pessoas e com a natureza. A Ressureição é a grande prova de amor do Pai, a vitória do Filho que vive e caminha conosco todos os dias.  

Devotos e peregrinos celebrando o Domingo de Ramos

Devotos e peregrinos celebrando o Domingo de Ramos. 

 

Devotos e peregrinos celebrando o Domingo de Ramos 2

Procissão no Domingo de Ramos. 

 

Devotos e peregrinos celebrando o Domingo de Ramos 3

Fiéis celebrando o Domingo de Ramos.

 

Ceia do Senhor

Celebração da Ceia do Senhor 

 

Celebração Pão e água 5h 5

Celebração do Pão e Água às 05h na Capela Nossa Senhora de Lourdes na Sexta da Paixão. 

 

Celebração Pão e água 5h 2

Celebração do Pão e Água às 05h na Capela Nossa Senhora de Lourdes  Sexta da Paixão. 

 

Via Sacra

Via Sacra realizada na Sexta da Paixão no Morro do Calvário.

 

Via Sacra 02

 Via Sacra realizada na Sexta da Paixão no Morro do Calvário.

 

Sábado Santo

Celebração da Paixão do Senhor na sexta-feira. 

 

Sete dores

Celebração das Dores de Maria no Sábado Santo. 

 

Sete dores 2

Celebração das Dores de Maria.

Sete dores 5

Celebração das Dores de Maria Sábado Santo.

 

Sete dores 6

Celebração das Dores de Maria Sábado Santo. 

 

Vigilia

Vígilia Pascal realizada no Sábado Santo. 

 

Domingo Pascoas

Celebração da Ressureição do Senhor no Domingo. 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar


Ação Evangelizadora


Ação Pastoral

  • Pastoral Carcerária, da Saúde, Paroquial, da Terra, da Juventude, Diocesana e DST-AIDS
  • Áreas de atuação: indígenas, mulheres em situação de risco, catequese, liturgia e comunicação

Saúde

Unidades Sociais / Projetos Sociais

  • Tecendo a Vida - Belo Horizonte - MG
  • Educandário Sagrada Família - São Paulo - SP
  • Casa da Sagrada Família - Campos do Jordão - SP
  • Lar dos Velhinhos - Maringá - PR
  • Lar Nossa Senhora Aparecida - Santuário Nacional
  •  Lar São Vicente de Paulo - Itaberá - SP
  • Lar São Roque - Diamantino - MT
  • Casa do Peregrino - Itajaí - SC
  • Orfanato São Roque - Moçambique
  • Escola Familiar Rural - Moçambique
  • Lar de Idosos de San Javier - Argentina

Família CIIC